assine

Newsletter

28 07

Icterícia em cães e gatos: entenda o que é, suas causas e tratamentos

Publicado em 28 de Jul de 2016 por Luana Zanolini Comentar

Cachorro ou gato com a pele amarela ou os olhos amarelados pode ser sinal de icterícia. Entenda o que é esse problema, as causas e qual o tratamento adequado

Texto Camila Rodrigues | Adaptação Luana Zanolini | Foto FreeImages.com/ Mario Alberto Magallanes Trejo

Icterícia em cães e gatos: entenda o que é, suas causas e tratamentos 

Você já se deparou com um cachorro ou gato com os olhos amarelados ou a pele amarela? Isso pode ser um dos sinais da icterícia. Você sabe o que é?

O sintoma pode indicar que algo está errado com o fígado do peludo. Segundo o veterinário Reinaldo Garrido, da clínica Strix, isso é resultado do acúmulo da substância bilirrubina. “De cor amarela, é um componente que deveria ser excretado pelo organismo, contudo, nesse quadro, fica na corrente sanguínea e deposita-se nos tecidos.” Ele alerta que a icterícia não é uma doença, mas, sim, sinal da destruição exagerada de células vermelhas ou de um problema hepático. “Outras enfermidades que podem ser a causa do problema são a leptospirose e doença do carrapato”, afirma o especialista.

Além da pele amarelada, outros sintomas são: apatia, diarreia, vômito e falta de apetite.

 

Tratamentos para a icterícia em cães e gatos

Como as causas do problema podem ser diversas, é necessário focar na doença com antibióticos específicos para complicações infecciosas e tratamento de suporte, como alimentação por sonda. “Para a icterícia em si, principalmente oriunda de raízes hepáticas, o uso de fluidoterapia nos animais pode ser a solução, mas, obviamente, é preciso descobrir e tratar a causa-base. Isso é muito importante”, reforça Garrido.

 

Revista Meu Pet | Ed.43

 

 

Comente!